Humor

 
Enquanto tivermos o mundo a nossa volta 
como nossa fonte de felicidade e alegria, 
nosso humor flutuará 
até mesmo com a mudança do tempo. 
Mas quando somos espiritualmente fortes, 
nossa alegria vem de dentro. 
Assim somos estáveis diante do insulto 
ou louvor, perda ou ganho. 
Ficamos no controle de nossas vidas e sentimentos. 
E mesmo que não possamos controlar 
as ondas do oceano ao nosso redor, 
podemos sim controlar 
e escolher como responder 
às situações e às pessoas. 
A vida para de ser uma montanha russa 
e vira um cruzeiro. 
Ela será mais uma brisa gentil 
do que uma tempestade.
 
Brahma Kumaris – São Paulo – Brasil
 
Namastê
 
Anúncios

Reiki


A palavra Reiki advêm da conjunção de dois termos japoneses, nomeadamente:

Rei, que significa espírito, alma, ser celestial, ser sobrenatural, divindade

Ki, que significa ar, energia, força, atmosfera. No contexto do termo, Ki refere-se a energia vital, ou energia da vida, ou aquilo também designado nas medicinas tradicionais do oriente por chi.

Comummente, em coordenação os termos significam a possibilidade de, canalizando forças e influências espirituais, atuar sobre a energia vital de um organismo, a fim de o harmonizar, auxiliando no seu reequilíbrio e coadjuvando a sua cura.

Esta terapia oriental, atua através da imposição das mãos em pontos energéticos específicos do corpo humano, a fim de favorecer o restabelecimento do equilíbrio das forças vitais de um ser.

A terapia pressupõem que aquele/a que administra o procedimento holistico, tenha conhecimento sobre o mapa de energias vitais do corpo humano, ( chakras e auras), bem como haja adquirido técnicas de manipulação das forças espirituais em favorecimento da influencia positiva da energia vital de um ser.

O Reiki não é considerada uma terapia clínica e cientificamente provada e por isso não faz parte do leque de ciências medicas convencionais.

Contudo, os seus defensores acreditam que o Reiki é um processo que pode ser usado complementarmente a tratamentos de medicina convencional com elevado sucesso.

Professam os seus praticantes, que o reequilíbrio energético de um corpo, favorece tanto a estabilização do metabolismo de um organismo, como o aumento da sua capacidade imunitária e auto-regenerativa.

Assim, o uso desta terapia seria altamente favorecedor de tratamentos clínicos convencionais, permitindo que os seus efeitos registem progressos mais rápidos.

Reiki é uma prática espiritual desenvolvida por Mikao Usui, que desenvolveu as suas técnicas de terapia espiritual após um processo de jejum e meditação. Hoje em dia, o Reiki é considerada uma pratica de medicina complementar alternativa.

O Reiki é comummente encarado no âmbito de uma técnica de relaxamento e redução de stress, e que por isso promove o bem-estar físico e mental, podendo mesmo ter efeitos benéficos em processos de cura.

Embora o Reiki seja uma pratica espiritual, contudo não é uma religião. O Reiki não advoga dogmas, nem consiste uma teologia, nem possui uma escatologia, e por isso não partilha de nenhum dos traços característicos de uma religião.

Os defensores do Reiki, afirmam que o Reiki funciona independentemente de você ter crença ou não. No entanto, é comum que os praticantes de Reiki afirmem que o reki advêm de Deus, pois de Deus advêm todas as energias vitais que sustentam a vida, e é com essas que o Reiki lida.

Há relatos de pessoas que experimentando o Reiki, afirmam ter encontrado uma paz espiritual de natureza religiosa, ou ate mesmo um encontro com Deus. Contudo, o Reiki não se afirma enquanto uma religião, nem é necessário prestar qualquer tipo de culto ou professar qualquer tipo de crença em particular, para beneficiar dos seus efeitos relaxantes, pacificadores e de harmonização.

Abraços Fraternais

Terapia para o Equilíbrio Emocional

Reflexão:

Não culpe os outros pelos seus erros / problemas, as dificuldades existem e, devemos refletir se as possíveis causas não estão dentro de nós.

Fazer Análise Psicanalítica (Psicanálise), associada a Aconselhamento Terapêutico e Terapia Holística * Processo Terapêutico de excelentes resultados para o Autoconhecimento, Qualidade de Vida e Bem Estar.

UMA TERAPIA PARA A BUSCA DO 
RESTABELECIMENTO DA AUTOESTIMA!
Amorosamente,
Fernanda Tomaz
psicoterapeuta

Ressentimento

 

A pessoa ressentida, ao se sentir ofendida, agredida, submetida ao outro, não se manifesta no ato, mas mantém a cena viva remoendo a ofensa repetitivamente. O ressentido não é alguém incapaz de se esquecer ou de perdoar; é um que não quer se esquecer, ou que quer não se esquecer, não perdoar, não deixar barato o mal que o(a) vitimou.


Reflexão:
Como você avalia sua vida até o momento!
O que preciso para me LIBERTAR!
Mude suas convicções. 
Permita-se mudar dos velhos condicionamentos.

Procure Ajuda *Faça Análise* Consulte uma Psicanalista que atue também em Terapia Holística, esta junção de terapias promove resultados benéficos a sua Qualidade de Vida e Bem Estar!

 
LIBERTE-SE! 
QUEBRE AS CORRENTES 
QUE APRISIONA SUA MENTE!


COISAS D’ALMA
nosso eu interior
Fernanda Tomaz

Ciatalgia / Inflamação no nervo Ciático

Ciatalgia é a dor provocada pela irritação de uma ou mais raízes nervosas da coluna lombar, irradiando-se pelo membro inferior, geralmente com um trajeto bem definido. A dor no nervo ciático é caracterizada por uma sensação de queimação, fisgadas, dormência e falta de sensibilidade; é uma dor desesperadora e insuportável para quem sente, ocorrendo no local da lesão ou na região que o nervo percorre. 

 
Na Síndrome do Piriforme, a dor pode chegar ao joelho ou parte posterior da panturrilha, já que o nervo ciático se divide em Tibial que atravessa a panturrilha e vai até a sola do pé ou na parte lateral do joelho provocado pelo nervo Fibular Comum.

A dor ciática acomete homens e mulheres em todas as idades, no entanto, é mais comum dos 30 anos aos 40 anos, faixa etária na qual excessos como sobrecarga de exercícios e de peso, são mais freqüentes. Com o avanço da idade, é ainda mais fácil adquirir uma dor ciática, que pode ter como principal causa a hérnia de disco, geralmente decorrente de processo traumático como um mau jeito; mas as dores também podem ocorrer devido a inflamações no próprio nervo por compressões da musculatura como o espasmo do músculo Piriforme ou trauma direto sobre o nervo, produzido por exemplo por uma injeção mal aplicada ou mesmo uma metástase cancerígena.

O nervo ciático é formado por raízes nervosas que nascem na medula espinhal região lombar e se unem na altura da região glútea formando um nervo calibroso, que segue seu trajeto na parte posterior da coxa, emitindo ramificações à semelhança de uma rede elétrica. Pelo tipo de dor e pela zona que ela atinge podemos determinar qual a raiz nervosa lesionada. 
 
O nervo Ciático leva enervação para toda a musculatura dos membros inferiores, sendo responsável pela sensibilidade, flexibilidade e força da região lombar, nádegas, pernas e pés. Assim, a dor causada por ele atinge uma grande extensão do corpo.

Na região do quadril o nervo ciático passa internamente pelo músculo Piriforme e lateralmente pelos músculos Obturador Interno e os Gêmeos Inferior e Superior. Quando o músculo Piriforme encontra-se em espasmo muscular, ele por sua vez comprime o nervo ciático produzindo dor, por isso o nome da patologia de Síndrome do Piriforme.

Ciclistas, triatletas e corredores apresentam esse tipo de patologia porque o Músculo Piriforme encontra-se encurtado levando a uma compressão do nervo. A posição na bicicleta e o tipo de corrida (ex.: treinos de subida) são alguns dos fatores. 
 
Pessoas sedentárias também podem apresentar compressão do Nervo ciático pelo Músculo Piriforme, quando se encontram muitas horas sentadas, fazem caminhadas sem preparar o músculo com alongamentos antes e depois da atividade, donas de casa ao realizarem suas tarefas como varrer, passar pano no chão, passar roupas , pessoas que permanecem muito tempo em pé sem intercalar o peso sob as pernas; motoristas de ônibus ou até mesmo pessoas que dirigem várias horas podem ter contratura de Piriforme.

Quando a dor começa a se manifestar, o ideal é que o indivíduo procure um Ortopedista, que através de exames como radiografia, tomografia e ressonância magnética, vai se certificar sobre qual é causa dessa dor e, desse modo, indicar o tratamento correto

Tratamento Holístico:


A Acupuntura é utilizada para alívio da dor e relaxamento muscular em clientes que desenvolveram Ciatalgia, esta técnica da Medicina Tradicional Chinesa utiliza, Moxabustão e Ventosaterapia, além de massagem chinesa nos pontos álgicos liberando endorfinas e desestagnando os Meridianos dos músculos envolvidos.

 

Sobre os Chakras


A palavra “Chakra” vem do Sânscrito e significa “roda de luz”, “roda da lei”, “roda da vida”. São pontos de energia de diferentes vibrações, representando diferentes aspectos do corpo, da alma e do espírito. 
Simbolizam a lei da Natureza, estando em constante movimento. Eles estão localizados ao longo da coluna vertebral do corpo humano.

Alguns clarividentes conseguem enxergar cada um desses pontos, com sua forma e cor específica. Através da Radiestesia e outras formas de tratamentos alternativos, pôde-se constatar que a maioria das doenças são decorrentes do desequilíbrio dos Chakras ou da entrada de energia negativa nesses pontos vitais.

Os Chakras Harmonizados, são o equilíbrio entre as polaridades Yin (feminino, frio e úmido) e Yang (masculino, quente e seco). O esquema dos Sete Chakras é o mais usado nas terapias alternativas. Entretanto, existem inúmeros outros Chakras menores, atuando num esquema dinâmico de intercâmbio energético.

Sua função é de receber e transmitir energia para as áreas afetadas do corpo físico, trazendo o equilíbrio. Trabalhando com os Chakras, é possível unir todos os aspectos de nossas vidas, incluindo os aspectos físicos, materias, espirituais, sexuais e etc.

Os Chakras são centros de conjunção de energias que circulam ao longo de uma espécie de “sistema nervoso subtil” que se chama Nadis. É por eles que circula a energia vital: PRANA

Os Chakras criam-se no ponto de intersecção dos Nadis. É nestes centros de força que se encontram o plano terrestre e o plano cósmico. Apresentam-se sob a forma de um cone (funil) e a raiz dos sete Chakras principais está conectada ao canal central (o canal Sushumna), com uma parte nas costas, que recebe a energia, e a parte da frente, que a emite. 
 
Quando se trata um Chakra desperta-se a Kundalini (energia que temos na coluna). É através destes centros de energia que os seres humanos recebem e transmitem. Os Chakras alimentam o corpo físico e todos os corpos subtis, alimentam-se de tudo o que, no Universo, é energia.

Todos os nossos estados de consciência são condicionados pelo estado Energético dos nossos Chakras.

No corpo físico, encontra-se Sete Chakras principais, sendo três mestres e quatro maiores. Sabemos que existe trezentos Chakras menores espalhados pelo corpo físico. Também há muitos Chakras que se encontram fora do corpo. Quando todos os Chakras estão abertos e balanceados, a energia nos permite comunicar com os espíritos do Universo.

Os Chakras são divididos em:
Os três Chakras localizados na cabeça 
e na região da garganta, 
são governados pela razão.
 
Os Chakras que estão localizados na frente do corpo, 
são governados pela emoção.
 
Os Chakras que estão localizados na parte de trás do corpo, 
são governados pelo desejo.
Cada Chakra está associado com uma das sete cores do arco-íris.

Acupuntura no Tratamento do Esporão de Calcâneo

O Esporão de Calcâneo possui um sintoma particular de dor, onde os clientes apresentam dor na área plantar do Calcâneo, pior pela manhã ao colocar o pé no chão, sendo mais severa durante os primeiros passos, com melhora posterior e piora no final do dia. A dor é descrita como uma queimação profunda, ocasionalmente lancinante e é o resultado de alterações degenerativas na origem da fáscia plantar e da periostite por tração do tubérculo medial do calcâneo. Com o passar do tempo e com o estresse repetitivo, podem ocorrer microtraumas na origem da fáscia, gerando um processo inflamatório local, e posteriormente a imagem radiológica de uma espicula.

A existência de Esporão de Calcâneo assintomático (sem dor).

A etiologia não é definida, mas alguns fatores predispõem a sua formação como os desvios posturais, a obesidade e infecções.

Tratamento Holístico:

O tratamento é a base de Acupuntura, utilizando agulhas e Moxabustão em pontos fora de meridianos principais, localizados no Calcâneo. Os resultados são altamente satisfatórios, com melhora acentuada da DOR (acima de 80%), percebida pelo cliente já na primeira sessão.