Life Coach

 

“Sonhe, Acredite, Realize e vá em busca das suas Metas.”
 
O que é Coach pessoal:


O Coach pessoal (também conhecido como treinador de vida – Life Coach), é um dos ramos do Coaching e é uma técnica de desenvolvimento humano, que pretende alcançar a transformação pessoal.

Das várias áreas de coaching existentes, o Coach pessoal pretende equipar as pessoas para que elas se sintam Realizadas, tenham Equilíbrionas suas Vidas e Alcancem as suas Metas. É por isso muito importante que a pessoa estabeleça as metas que pretende atingir. O Coach ajudará o cliente não só a definir essas metas, mas, também a alcançá-las ao longo do tempo., etc.

A técnica de Coach pessoal trabalha os padrões Emocionais e Comportamentais que impossibilitam o cliente de alcançar os seus objetivos. Um Coach é treinado para saber fazer as perguntas corretas, e assim saber identificar os problemas, e ajudar a pessoa a reconhecer e melhorar os seus pontos fracos. Para que isso aconteça, o Coach (profissional de Coaching) deve estabelecer uma ligação de confiança com o cliente.

Através do Coach pessoal, um indivíduo pode alterar tendências indesejadas, e abordar e resolver problemas emocionais, financeiros e de relacionamento. O Coach pessoal pode também iniciar crescimento intelectual, despertar talentos e habilidades, podendo também ajudar a superar traumas, ansiedade, pânico, fobias e depressão. Muitas pessoas também recorrem a esta técnica para lidar com vícios e para aumentar a auto-estima e confiança.

 
INTROSPECÇÃO:
 
O pessimista olha para o chão e bate a cabeça. 
O otimista olha para cima e tropeça. 
O realista olha para frente e corrige seu caminho.

O otimista erra em sempre acreditar.

O pessimista erra em nunca confiar.
O realista acerta em equilibrar.
 
 
Amor, Luz e Paz
Anúncios

Meu Ofício


Quando somos Felizes, todo nosso Corpo responde de Maneira Harmoniosa e Equilibrada, nos proporcionando um Bem Estar Mental, Espiritual e Físico. Desta forma, nos dá condições para que possamos realizar nossos sonhos, melhorando nossa Vida e consequentemente das Pessoas que estão ao Nosso Redor.

Portanto, cuidar de Si Mesmo, é dar-se a oportunidade de ter uma Vida mais Saudável e ser ainda Mais Feliz.

“Felicidade é nada mais que boa saúde.”
Albert Schweitzer


Meu Ofício é voltado para a Qualidade de Vida e o Bem Estar

É pensando em mim e nas pessoas, que estou atualizada com o que há de melhor em Terapia Holística. Fazendo com que VOCÊ, tenha as melhores e mais Felizes Experiências de sua Vida.

MISSÃO


Minha Missão é levar o Ser Humano, a conquistar a Auto-Estima e a Felicidade. Proporcionando ótimas experiências, oferecendo Atendimento de Alta Qualidade.

 
VISÃO


É crescer na Área Holística, sendo referência nesta Profissão. Promovendo a Excelência no Bem Estar, Satisfação e Felicidade dos meus Clientes.

VALORES


É a Ética, o Profissionalismo, a Qualidade e Transparência. Identificar e Satisfazer as Necessidades Presentes e Futuras do Cliente, oferecendo Técnicas Holísticas para seu Equilíbrio Emocional.

 
Terapia Holística Propicia Autoconhecimento, 
Equilíbrio Emocional, Saúde e Bem- Estar 
Espaço Holístico COISAS D’ALMA Fernanda Tomaz
 
Amor, Luz e Paz


Psicoterapia Energética


A Psicoterapia Energética representa uma abordagem emergente, inovadora e, em muitos sentidos, radicalmente diferente de olhar para a psicoterapia: é um novo paradigma!

Representa uma família de modalidades Terapêuticas suportadas pela evidência, que equilibram, restauram e melhoram o funcionamento humano, através da combinação de intervenções de caráter físico (utilizando o sistema da Acupuntura, os Chakras e outros sistemas de tratamentos ancestrais), com intervenções cognitivas modernas, tais como a dessensibilização sistemática e a exposição in vivo, ou por imagnética.

As técnicas da Psicoterapia Energética dirigem-se, simultaneamente, ao corpo, à mente e ao espírito, conseguindo, por vezes em pouco tempo, diminuir de forma eficaz a ativação psicofisiológica desencadeada por sentimentos e emoções negativas como o stress, o medo e a ansiedade, ao mesmo tempo que promovem sentimentos de relaxamento, resiliência, confiança e paz interior.

Os resultados clínicos e experimentais têm demonstrado que estes métodos e técnicas podem ajudar a ultrapassar uma multiplicidade de questões, entre as quais, trauma e PTSD (Perturbação de Stress-Pós Traumático), ansiedade e fobias, depressão, adições, controlo do peso e da dor. Também tem sido demonstrado que podem ajudar a melhorar o desempenho profissional.

A Eficácia das abordagens da Psicoterapia Energética parece advir do esforço sinergético de focalizar a atenção em memórias específicas e outras experiências afetivo-cognitivas, ao mesmo tempo que os clientes são orientados a utilizar competências específicas que ativam os sistemas Energéticos do corpo para normalizar o seu funcionamento, incluindo alterações no cérebro e no tronco cerebral.

Os resultados Transcendem, geralmente, a capacidade normal de mudar a experiência através de um esforço meramente Consciente. Em vez disso, as pessoas relatam, frequentemente, a resolução de pensamentos, sentimentos e memórias negativas, independentemente de há quanto tempo a pessoa tem essa problemática.

Memórias traumáticas com 10, 20, 30, ou mais anos podem ser eficazmente tratadas, de forma permanente, com pouco desconforto emocional.

BENEFÍCIOS:


Pessoas com perturbação emocional diagnosticada, que desejam Avaliar e Equilibrar os seus diferentes sistemas Energéticos, de maneira a promover o Equilíbrio Emocional e a manutenção da Saúde.

Pessoas sem doença diagnosticada, mas, que desejam aprender a Gerir mais Eficazmente o stress, a ansiedade e outras Emoções Disfuncionais.

Amor, Luz e Paz

O medo e o ego


O ego, escreve o Filósofo Budista Han de Wit, “ é também uma reação afetiva ao nosso campo de experiência, um movimento mental de recuo baseado no medo”. Por medo do mundo e dos outros, por receio de sofrer, por angústia sobre o viver e o morrer, imaginamos que ao nos escondermos dentro de uma bolha — o ego — estaremos protegidos. Criamos, assim, a ilusão de estarmos separados do mundo, acreditando que dessa forma evitaremos o sofrimento. Na realidade, o que acontece nesse caso é justamente o contrário, uma vez que o apego ao ego e à auto-importância são os melhores ímãs para atrair o sofrimento.

O genuíno destemor surge com a confiança de que seremos capazes de reunir os recursos interiores necessários para lidar com qualquer situação que surja à nossa frente. Isso é totalmente diferente de retirar-se na auto-absorção, uma reação de medo que perpetua profundos sentimentos de insegurança.

Cada um de nós é, de fato, uma pessoa única, e está certo reconhecermos e apreciarmos quem somos. Mas ao reforçarmos a identidade separada do ego, perdemos a sintonia com a realidade. A verdade é que somos fundamentalmente interdependentes das outras pessoas e do ambiente. Nossa experiência é o conteúdo do fluxo mental, do continuum da consciência, e não há justificativa para ver o ego como uma entidade distinta desse fluxo.

Imagine uma onda que se propaga, influencia o ambiente e é influenciada por ele, sem que por isso se transforme no meio de veiculação ou transmissão de qualquer entidade particular.

Porém estamos tão acostumados a fixar o rótulo de “eu” a esse fluxo mental, que chegamos a nos identificar com este último e temer o seu desaparecimento. Segue-se daí um poderoso apego ao ego e à noção de “meu” — meu corpo, meu nome, minha mente, minhas posses, meus amigos, e assim por diante — que leva ao desejo de possuir ou ao sentimento de repulsa pelo “outro”.

É assim que os conceitos de “eu” e “outro” se cristalizam na nossa mente. Ficamos com a impressão errada de que existe uma dualidade irredutível e inevitável, criando assim a base para todas as nossas aflições mentais, como o desejo alienante, o ódio, o ciúme, o orgulho e o egoísmo.

Nesse ponto percebemos o mundo através do espelho deformante das nossas ilusões e permanecemos em desarmonia com a verdadeira natureza das coisas, o que leva à frustração e ao sofrimento.

Por Monge Budista Matthieu Ricard

 

Namastê / Namaskar

Auriculoterapia

 

A Auriculoterapia é a utilização do Pavilhão Auricular como área reflexa para o tratamento de inúmeros problemas do corpo humano.Uma técnica extremamente Eficaz,pois atua no Físico,Mental e Emocional.

 

O Pavilhão Auricular é considerado uma parte muito importante do corpo humano,por constituir um Microssistema,capaz de funcionar como um receptor de sinais de alta especificidade,podendo refletir todas as mudanças fisiológicas dos órgãos e vísceras,dos quatro membros,do tronco,dos tecidos, etc.

Quando produz-se uma Desarmonia em qualquer parte do corpo humano, esta é refletida na orelha com reações de carácter e localidades diferentes, específicos a cada enfermidade em particular,e deixando relações muito estreitas entre os locais reativos e as partes do organismo comprometidas.

As reações podem ser de diferentes tipos,entre as mais comuns são:mudanças na resistência elétrica das zonas reativas específicas,mudanças de coloração, descamações,mudanças morfológicas nessas áreas,acne,eczemas,etc.Todas estas reações podem aparecer no Pavilhão Auricular,antes que a disfunção se manifeste.

O método de tratamento da Auriculoterapia tem se desenvolvido muito durante estes últimos anos e é composto pela aplicação das tradicionais agulhas de Acupuntura,Agulhas intradérmicas,Laser,Esferas Magnéticas,Cristais e Sementes de Mostarda.

A técnica tem demonstrado ao longo dos séculos,resultados excelentes,e deve ser utilizada de acordo com a necessidade do cliente,pois cada organismo reage de uma forma determinada ao estímulo,cada pessoa é um Universo único e todo o tratamento pela Auriculoterapia tem como objetivo,promover o Equilíbrio do cliente e assim o seu Bem-Estar e uma melhor Qualidade de Vida.

É especialmente indicada quando se necessita que o cliente leve o tratamento para casa,pois o paciente pode pressionar as esferas ou semente colocadas nos pontos Auriculares,estimulando assim,continuamente o tratamento.

 
Amor,Luz e Paz

Acredite

Você precisa ter sonhos,para que possa se levantar todas as vezes que cair.
Acreditar que a toda a hora,acontecerá coisas boas e mudar o rumo de sua vida.
Você precisa ter sonhos grandes e pequenos ;os pequenos ,são as felicidades mais rápidas,os grandes, lhe darão força para suportar o fracasso dos sonhos pequenos.
Você tem que regar os teus sonhos todos os dias,assim como se rega uma planta para que cresça…
Você precisa dizer sempre a você mesma:Vou conseguir!Vou superar!Vou chegar no meu sonho! Fazendo isso,você estará cultivando uma luz especial,a luz de sempre ter esperanças,que nunca poderá se apagar,pois ela é a imagem que você pode passar para as outras pessoas,é através dessa luz que todos vão admirá-lo,acreditar em você e segui- lo. 
Mire na Lua,pois se você não puder atingí-la,com certeza irá conhecer grandes estrelas…ou quem sabe,poder ser uma delas! 

Por Vilma Galvão

Amor,Luz e Paz

Dê espaço para consciência crescer em você

A consciência cresce e se amplia à medida em que vamos nos tornando reais para nós mesmos. Para tanto, “materializar-se” nesta dimensão implica em perdermos totalmente o medo de ser quem somos e assumirmos que somos singularidades do campo unificado( campo quântico). Portanto, assumir a sua diferença é ponto central no entrosamento com este campo. Pois quando você é simplesmente você, você já está em contato íntimo com este campo. No entanto, quando você se rejeita, você rejeita a singularidade que você é. Consegue perceber o nível de desarmonia que irá provocar em sua vida? Certamente, nada poderá fluir com harmonia e graça. 

Não se retraia, não se encolha e não se aperte para caber nos ideais que os outros esperam que você corresponda. Toda vez que você tenta ser aquilo que o outro quer, inevitavelmente você perde a sua força e o seu nível de energia decai, pelo simples fato de estar contrariando a sua natureza. Quando você se opõe a si mesmo e tenta ser uma outra coisa, você entra num eclípse espiritual, sua luz se apaga e só você fica no escuro da sua vida ofuscado pela sombra daquilo que você se tornou para agradar o outro ou o que quer que seja.

Neste estado a inteligência do campo não consegue lhe atingir e subitamente você se sente perdido emocionalmente. Seja você. Você é a criação mais importante do universo, pois você é singular. Ao invés de se retrair, se expanda por meio da sua ousadia. Assuma o seu espaço. Você é tão vasto. Nunca teve uma começo e não terá fim.

Portanto, você nunca poderá caber em nada, muito menos dentro de um pensamento que fizeram ao seu respeito. Quanto mais você se der espaço para Ser quem você é, maior será o seu magnetismo e por meio dele você poderá conquistar e manifestar absolutamente o que quiser. Assuma o seu espaço de vida e se assuma. Assumir-se é a chave que conecta todas as outras partes suas que se perderam em momentos do tempo em que se rejeitou em prol de alguma coisa.

Por Horácio Frasão

Amor,Luz,Paz e Gratidão

“Picuinha”

“Picuinha” é aquela coisa que é bem definida por comportamentos desequilibrados e sem nexo algum, intriguinhas bobas,pirraças,conversinhas,fofoquinhas,cutucada exagerada pra coçar ego,e uma série de condutas que geram contendas,divisões,inimizades,opressão,e uma falta danada do que fazer.

Resolver insatisfações no grito é colocar nas mãos do seu adversário a sua insegurança,a sua falta de disposição para lidar com a situação e a certeza de que ele precisa para se sentir o máximo por ter atingido você.

Na melhor das hipóteses e mediante a tamanha fraqueza alheia,procure algo interessante pra fazer,ignore a maldade,e se liga naquilo que faz bem a você…

Invista na paz ,e conte até dez,isto é exercitar a sensatez,isto é não se perder por quem anda se perdendo de vez.

Cecilia Sfalsin

Amor,Luz,Paz e Gratidão

“Maturidade Emocional”

A expressão “maturidade emocional” é muito usada e poucas vezes definida com clareza;termos vagos são geradores de confusão e uso indevido.

A primeira e principal característica de uma pessoa desprovida de maturidade emocional é a baixa tolerância a frustrações e contrariedades.

Pessoas “amadurecidas” também se aborrecem com situações que lhes frustram ou contrariam;porém,não descarregam sua revolta sobre terceiros.

Os mais maduros tendem a aprender com as situações que lhes frustram:fazem autocrítica e não apontam o dedo para fora em busca do culpado.

Aqueles que têm maturidade emocional costumam ter humor estável e tratar as pessoas com cuidado e consideração:não são criaturas “de lua”!

As pessoas portadoras de boa inteligência emocional costumam ser as mais maduras:são empáticas e delicadas no trato com colegas de trabalho.

Os que têm boa inteligência emocional desenvolvem grande habilidade para lidar com diferenças de opinião: respeitam o ponto de vista alheio.

Por Flávio Gikovate

Fraternos Abraços

Não busque,permita que te encontre

A vida é muito curta para correr atrás de alguém que nem mesmo anda por você. Não há necessidade de ir atrás quando sabem onde você está, quando conhecem sua casa e eus mistérios.

A verdade é que há pessoas que não se preocupam conosco, embora nos preocupemos. Nestes casos, pode ser difícil compreendermos a situação, porque a preocupação com os outros não fala a língua do egoísmo.

“Lembre-se que seu número de telefone não mudou e que, na realidade, não há nenhuma falta de tempo, mas de interesse. Pense que quando alguém quer ou precisa de algo, é capaz de mover céus e terra para compartilhar nem que sejam alguns segundos.”

Carinho não se suplica

Implorarmos e mendigarmos migalhas de afeto que não nos querem dar não é saudável, nem a curto nem a longo prazo. No entanto, algumas experiências podem chegar até nós para ajudar-nos a encontrar razões para continuar desejando que a pessoa a permaneça em nossas vidas.
Se você pensar sobre isso, tudo o que fazemos com essa atitude é prolongarmos desnecessariamente uma angústia emocional. Submeter-nos à vontade dos outros faz com que nos tornemos marionetes de suas necessidades e seus desejos.

Neste sentido, obviamente, há coisas que acontecem porque têm que acontecer, mas outras acontecem porque permitimos. Nós não podemos ser livres e felizes se vivemos agarrados e ligados a certas esperanças.


Deixe que o vento leve o desnecessário de sua vida

É difícil deixar ir o que consideramos “muito nosso”, sejam sentimentos ou pessoas. Ou seja, certas pedras que carregamos em nossas costas nos unem um sentido de identidade e pertença que se funde com o nosso medo de perder algo que acreditamos ser muito intenso e importante.
No entanto, apesar de todo esse caos emocional nos amarrar a certas pessoas, também cansamos de não sermos valorizados. É provável que quando percebemos isso nos sentimos um pouco egoístas, o que é terrível para a nossa saúde emocional.
“Sentir que se aguentarmos um pouco mais uma situação ou algumas pessoas estamos falhando, é algo surpreendentemente comum. A fundação deste sentimento é o medo que nos dá de lidarmos com o vazio gerado pela perda.”
Em outras palavras, sentimos que se deixarmos de nos sacrificar perdemos a oportunidade de construir parte da história emocional de nossa vida. No entanto, o que realmente estamos fazendo é nos comportando da forma mais cruel possível para com nós mesmos, nossas expectativas e desejos.
“O caminho de volta em direção à liberdade emocional é construído a partir das pedras que caem; ou seja, dos sentimentos e pessoas tóxicas das  quais nos livramos.”
Esta é a única maneira de evidenciarmos nossos pontos fortes, de assumirmos nossos erros e conseguirmos expressar nossas intenções e compromisso.


O mais forte não é quem mais aguenta,mas quem é capaz de deixar ir

Se não traz alegria para sua vida… Solte
Se não lhe faz feliz… Solte
Se permanece ao seu lado, mas não acrescenta nada de bom… Solte
Se procura segurança e assim evita o esforço de desenvolver-se… Solte
Se não reconhece suas qualidades… Solte
Se não lhe dá carinho… Solte
Se não promove o seu sucesso… Solte
Se diz, mas não faz… Solte
Se não há um lugar em sua vida para você… Solte
Se tenta mudá-lo… Solte
Se o amedronta… Solte
Se são mais desencontros do que acertos…Solte
Se simplesmente o faz sofrer…Solte
Liberte-se…a perda será muito menos dolorosa do que a dor de apegar-se “ao que já foi e não é mais”.

___
Traduzido pela equipe de O Segredo
Fonte: La Mente es Maravillosa

Fraternos Abraços